Dicas

Duas coisas que todos aqueles que possuem Bitcoin deveriam fazer

Um interessante artigo publicado pelo site de notícias Hackernoon comenta sobre duas medidas imprescindíveis que todos aquelas pessoas que possuem Bitcoin deveriam tomar agora mesmo.

1. Tenha posse dos seus Bitcoins

É evidente que as corretoras de criptomoedas centralizadas (a forma que conhecemos e utilizamos atualmente) facilitaram muito a compra e venda de Bitcoin e coincidentemente o acesso das pessoas à moeda digital. Não há como medir quantas pessoas que utilizam as corretoras de criptomoedas para comprar Bitcoin estão mantendo suas moedas digitais nessas corretoras por longos períodos, sem sequer pedir às corretoras as suas chaves privadas. Enquanto esse número de pessoas continuar aumentando, as corretoras se tornarão cada vez mais alvos de ataques hackers.

Deixar suas moedas digitais em uma corretora não significa que essas moedas são suas. Você não tem ideia de qual o nível de segurança empregado pela corretora e nem se o que dizem para você é realmente verdade. Armazenar criptomoedas dessa forma, em uma entidade centralizada com segurança duvidosa, é ir contra a principal proposta do Bitcoin, que é de você mesmo ter o total controle sobre suas finanças. Não é à toa que o ditado “suas chaves, seus Bitcoins. Sem suas chaves, sem seus Bitcoins” é muito utilizado no universo das criptomoedas.

Felizmente a solução para essa questão é muito simples. Mova seus Bitcoins para uma carteira na qual você controla as suas chaves privadas. Em particular, assegure-se de que a carteira que você está usando gere um código de 12 a 24 palavras que irá facilitar um possível backup da sua carteira. Além disso, quanto menos você expor sua chave privada, menor a chance de ser afetado.

2. Use uma carteira SegWit

O crescimento do Bitcoin fez com que a quantidade de transações também aumentasse consideravelmente. As taxas de transação praticadas atualmente estão com valores muito elevados devido à alta demanda da rede.

Uma solução preliminar para este problema foi implantada há seis meses. O SegWit é uma atualização fundamental do protocolo do Bitcoin que diminui o tamanho virtual das transações e permite que quatro vezes mais transações caibam em um bloco. Como as taxas de transação são mensuradas por byte e as transações SegWit têm um menor tamanho de byte virtual, se você enviar uma transação Segwit usando uma carteira SegWit, você economiza de 30% a 40% nas taxas.

Para se ter uma ideia se todas as transações atuais na rede do Bitcoin fossem transações SegWit, os blocos conteriam até 8 mil transações e a fila de 138 mil transações não confirmadas que existe hoje desapareceria instantaneamente. As taxas de transação seriam quase inexistentes mais uma vez.

O SegWit é uma atualização de protocolo opcional que as carteiras e os serviços relacionados ao Bitcoin não são obrigados a implementar, apesar do benefício que ele fornece à rede. Enquanto não houver demanda de seus clientes, esses serviços não vêem incentivo para gastar tempo e dinheiro para atualizar para o SegWit.

Não há absolutamente nenhuma desvantagem na utilização de carteiras SegWit, apenas uma significativa vantagem na rede e muitas economias em taxas de transação. Existem algumas carteiras que já implementaram o SegWit, veja abaixo algumas opções:

Carteiras em dispositivo hardware

(se você preocupa-se com segurança, essa deveria ser a sua primeira opção de armazenagem)

Carteiras para computador desktop

Carteiras para iOS

  • Edge (antiga AirBitz)
  • GreenAddress

Carteiras para Android

  • Samourai Wallet
  • GreenBits
  • Electrum

Fonte: Criptomoedas Facil

Deixe sua opinião