Em um vídeo produzido pelo Mercado Bitcoin, o analista Lucas Pinsdorf, dá 4 dicas para começar a investir. O vídeo é para todos aqueles que querem começar a avançar em seus investimentos, e diversificar o portfolio. Apesar de as dicas serem focadas no mercado de criptomoedas, também servem para os interessados em ações e outros títulos.

Dica 1: Faça sua própria pesquisa

Investir em criptomoedas pode ser tão ou mais complexo do que o mercado financeiro tradicional. Da mesma forma que você não colocaria seu dinheiro em uma companhia sem pesquisar o que ela faz, ou em um título sem entender como ele funciona, é preciso saber o básico do mercado de criptomoedas. No Mercado Bitcoin, trabalhamos com três criptomoedas: Bitcoin, Bitcoin Cash e Litecoin. Os links explicam melhor cada uma, e para entender a diferença entre cada uma delas, recomendamos esse artigo.

2. Não invista mais do que você pode perder

Isso, claro, varia de pessoa para pessoa. A pergunta que se deve fazer antes de colocar aquela quantia é: estou confortável se perder essa quantia que estou investindo, ou isso afeta meu futuro financeiro? Para muitas pessoas isso varia de algumas centenas a milhares de reais. Claro, podem existir aqueles que estão confortáveis em perder apenas R$50,00, e outros podem querer investir mais de R$50.000. O importante é colocar uma quantidade que te estimule a aprender, mesmo que caia um pouco de valor.

Essa dica é importante, pois reduzir perdas é um dos principais princípios do investimento. Se você tinha R$100, e perdeu 10%, vai ficar com R$90, certo? Acontece que se ganhar 10% logo depois, seu investimento terá um valor de R$99, não R$100. Para recuperar o patrimônio depois da queda, é necessário um lucro de 11,11%.

3. Não deixe a sua emoção dominar

Isso quer dizer basicamente: não compre na alta e não venda na baixa. Use uma estratégia de investimentos, e fique com ela até ter certeza que está errada, mas não deixe a emoção dominar. Essa é provavelmente a dica mais difícil de seguir. No domingo, dia 10 de junho, o Bitcoin caiu 13%. No meio de tudo isso, pipocam notícias de “fim do Bitcoin” e “era tudo uma farsa”. Assim, pode parecer natural vender, antes que caia mais. Só que se você, pela sua pesquisa (dica 1), acha que o preço do Bitcoin vai ser maior daqui alguns meses, por que vender? Mantenha sua estratégia.
Mas como saber qual o momento certo? Não é preciso de grandes fórmulas financeiras, apenas bom senso. Se você perceber que as pessoas estão vendendo suas casas para comprar Bitcoin, ou se aquele primo distante fica se gabando dos altos lucros dele, talvez não seja o momento adequado de entrar no mercado. O momento pode ser justamente agora, depois de uma forte correção, na qual a chance de quedas acentuadas é relativamente menor.
Também é importante saber que não é possível acertar exatamente o ponto de alta e o ponto de baixa. O importante é acertar mais ou menos o movimento, e só isso já basta para boas oportunidades de lucro.

4. Entenda que tipo de investidor você é

Existem dois tipos de investidores: aqueles que entendem a tecnologia, e acreditam no longo prazo da moeda, e os traders. Os primeiros não se importam tanto com a variação diária. Se caiu ou subiu muito, não importa. O que ele foca é nas perspectivas de longo prazo.

O trader, por outro lado, encara a criptomoeda como qualquer outro ativo, e ganha com variações diárias ou mesmo em horas. Uma formação em análise técnica geralmente é muito importante nesse tipo de situação.
Essas análises não se excluem. Um investidor de longo prazo pode usar análises técnicas para determinar qual o melhor momento de entrar no mercado. Um investidor trader pode fazer a análise do fundamento e do potencial da moeda. Isso torna ambos mais fortes.
Por isso a recomendação geral é: comece pequeno, e teste aos poucos qual o melhor caminho para você!

 


Ganhe alto com a Binance

A maior e mais confiável das exchange está aceitando novos cadastros por tempo limitado, aproveite e obtenha grandes lucros no mercado de criptomoedas com essa incrível plataforma de trading.

Acesse já: https://www.binance.com