Citando uma pessoa familiarizada com o assunto, o jornal Nikkei informou que a Agência de Serviços Financeiros do Japão (FSA) emitiria um alerta formal para a Binance, que supostamente começou a expandir as operações para o Japão sem a permissão da agência reguladora.

A alerta seria para que a Binance parasse de oferecer os serviços, por não ser regularizada.

O relatório citado pela Nikkei disse que a FSA está preocupada que as operações da empresa representem um risco para os investidores do país e pode apresentar acusações criminais com as autoridades policiais se Binance não cumprir o mandato de registro.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao, reagiu no twitter sobre esses boatos, dizendo que a empresa está em diálogo com o regulador.

 

Ele afirmou no Twitter:

“Nikkei mostrou um jornalismo irresponsável. Estamos em diálogos construtivos com a FSA do Japão e não recebemos nenhum mandato. Não faz sentido para a FSA contar a um jornal antes de nos contar, enquanto temos um diálogo ativo com eles.”

Orgão regulador no Japão

No início de fevereiro, a FSA anunciou que estava inspecionando todas as 32 exchanges de criptomoedas no Japão. Isso inclui 16 que não obtiveram uma licença, mas estão atualmente em revisão pela agência, além das 16 que já estão totalmente licenciadas.

A FSA, após o incidente da CoinCheck, está ativamente inspecionando as exchanges locais, bem como operações de criptomoedas no exterior que registram investidores japoneses sem um registro formal.


Ganhe alto com a Binance

A maior e mais confiável das exchange está aceitando novos cadastros por tempo limitado, aproveite e obtenha grandes lucros no mercado de criptomoedas com essa incrível plataforma de trading.

Acesse já: https://www.binance.com