O presidente e CEO da Mastercard, Ajay Banga, classificou as criptomoedas como lixo e disse que uma moeda anônima que pode flutuar descontroladamente não merece ser considerada como um meio de troca, de acordo com a CNBC TV18 na quinta-feira (26).

O comentário de Banga foi feito durante sua participação na 6ª edição do evento ‘New India Lecture’, uma série de palestras organizadas pelo Fórum de Parceria Estratégica EUA-Índia (USISPF), que aconteceu em 23 de julho em Nova York, onde ele respondia a perguntas.

“Acho que criptomoeda é lixo. A idéia de uma moeda anônima produzida por pessoas que precisam minerar, e cujo valor pode flutuar descontroladamente, não merece ser considerada como um meio de troca”, disse Banga.

O executivo repetiu as mesmas críticas que constantemente ele costuma lançar acerca das criptomoedas, incluindo o uso predominante dos criptoativos nos meios obscuros da internet, conhecidos como Deep Web.

Banga se manifestou sobre o assunto quando disse acreditar que 95% de todas as transações ilegais na Web, incluindo prostituição infantil, drogas, cartões de crédito e fraudes de previdência social, sejam pagas com criptomoedas, mas não explicou se são dados da Mastercard.

Para complementar seu conceito sobre criptomoedas, Banga falou do Bitcoin. Ele citou o caso recente dos 12 oficiais da inteligência russa que foram indiciados pelo Departamento de Justiça dos EUA por supostas invasões cibernéticas.

De acordo com investigações, o que aconteceu no período das eleições norte-americanas tinha como objetivo causar danos à candidata do Partido Democrata Hillary Clinton. R$ 95 mil em bitcoins foram usados na ação para compra de serviços de internet.

No ano passado, Banga disse que todas as moedas digitais ‘não-governamentais’ eram lixo.

Em março deste ano, o co-presidente da MasterCard da região Ásia-Pacífico, Ari Sarker, disse em entrevista ao Financial Times que ficaria muito feliz se a empresa ‘trabalhasse’ com criptomoedas emitidas por governos.

“Se os governos estão pensando em criar uma moeda digital nacional, teremos muito prazer em olhar para esse novo mercado de uma forma mais favorável”, disse Sarker.

Banga também se manifestou sobre uma criptomoeda governamental.

“Se o governo criar uma moeda digital, encontraremos um jeito de entrar no jogo. Forneceremos trilhos para movimentação de moeda do cliente para o comerciante. Moedas digitais emitidas pelo governo são interessantes. Moeda que não é do governo é lixo”, disse Banga na época, de acordo com a CCN.

 


Ganhe alto com a Binance

A maior e mais confiável das exchange está aceitando novos cadastros por tempo limitado, aproveite e obtenha grandes lucros no mercado de criptomoedas com essa incrível plataforma de trading.

Acesse já: https://www.binance.com