Notícias

Coreia do Sul está preocupada com fraudes no mercado de criptomoedas

No último dia 13, o governo da Coreia do Sul juntamente com o Ministério da Estratégia e Finanças, a Comissão de Serviços Financeiros, o Ministério da Justiça, a Comissão de Comércio Justo e a Comissão de Supervisão Financeira realizaram uma reunião de emergência para discutir fraudes no mercado de criptomoedas e os projetos de regulamentação para empresas e investidores.
No encontro ficou decidido que: estrangeiros e investidores menores de idade estão proibidos de negociar moedas digitais e casas de câmbio de criptomoedas serão regulamentadas como prestadoras de serviço.
A medida visa reprimir operações fraudulentas dado ao número cada vez maior de plataformas e atividades relacionadas a esse mercado.
Nas últimas semanas, várias empresas de câmbio de criptomoeda falsas foram expostas pela comunidade Bitcoin local e pelas autoridades financeiras. Uma delas era a BitKRX, que se dizia uma divisão da KRX (Korea Exchange, maior plataforma de negociação financeira do país), o que facilitava a entrada de novas vítimas.
Autoridades sul-coreanas constataram que diversas companhias não estão regulamentadas, mas operam como legítimas, utilizando a marca de grandes instituições, como fazia a BitKRX, colocando em risco os investidores, pois essas empresas não seriam capazes de executar corretamente as ordens de compra e venda em tempo hábil, causando perdas aos envolvidos.
Mercado otimista
A maior casa de câmbio de moedas digitais da Coreia do Sul, a Bithumb, afirmou ser favorável a um conjunto de regras para instituições financeiras, uma vez que isso poderia estimular o mercado e impulsionar seu crescimento.
Para as empresas sul-coreanas do setor, as normas são bem-vindas porque uma parcela grande de investidores está sendo vítima de golpes e esquemas de Ponzi, operação fraudulenta do tipo esquema em pirâmide.
No início do mês, um esquema de Ponzi de US$ 200 milhões inspirado em criptomoeda foi desmontado pela polícia local. Quatorze pessoas foram presas sob acusações de crime econômico e fraude.
O post Coreia do Sul está preocupada com fraudes no mercado de criptomoedas apareceu primeiro em Bitcoin Brasil.

Fonte: Bitcoin Brasil

Deixe sua opinião