Notícias

Estávamos Certos em Fechar as Exchanges de Bitcoin e ICOs, Diz BC da China

Um vice-diretor do banco central da China (PBoC) reiterou a proibição do órgão regulador em cima dos ICOs em setembro, que também levou ao encerramento das exchanges locais de bitcoin.

De acordo com o vice-diretor Pan Gongsheng do Banco central da China (PBoC), as autoridades estavam certas ao atacar as ofertas iniciais de moedas (ICOs) e operações de criptomoedas na China, uma vez que era o maior mercado de comércio de bitcoins do mundo.

O banqueiro central estava falando em uma cerimônia anual de premiação de livros financeiros, co-organizada pelo JPMorgan Chase durante o fim de semana, quando ele levantou a perspectiva “assustadora” sobre a indústria de criptomoedas continuar funcionando até hoje – se as autoridades chinesas não tivessem banido, é claro.

Nas observações relatadas pela Yicai, o funcionário do banco central declarou:

Se não tivéssemos fechado as exchanges de bitcoin e reprimido as ofertas iniciais de moedas (ICOs) há alguns meses atrás, e se mais de 80% das operações de bitcoin e atividades de financiamento do mundo continuassem ocorrendo na China, o que foi o caso em janeiro, como seria hoje? … É assustador pensar.

Em 4 de setembro, várias autoridades chinesas, incluindo administradores governamentais de vários ministérios e reguladores bancários, de seguros e de valores mobiliários – liderados pelo Banco Central da China, emitiram uma proibição ampla e imediata de todas as ofertas iniciais de moedas na China. Ao rotular uma prática “ilegal” de angariação de fundos, o PBoC disse que o financiamento dos ICOs “perturbou seriamente a ordem econômica e financeira”.

No dia 15 de setembro, as autoridades emitiram normas e regulações para todas as exchanges de câmbio virtual, exigindo que todas as exchanges de bitcoin e outras criptomoedas interrompessem as atividades imediatamente, não permitindo a entrada de novos usuários e que escrevessem publicamente seu roteiro para interromper os serviços de transação de moeda digital até a meia-noite. As empresas cumpriram o pedido, fechando as operações no final de setembro.

Enquanto isso, os mineradores de bitcoin chineses já estão fazendo planos para mudar as operações de mineração para outros países, temendo que a repressão da China na indústria também possa se estender à proibição da mineração.

Fonte:Portal do BTC

Deixe sua opinião