O Google está decidido proibir propagandas de criptomoedas e ICOs em junho, as redes sociais Facebook e Instagram já proibiram o anúncio de tais projetos e, de acordo com algumas informações, o Twitter também está se preparando para entrar no “time da proibição“. Tudo isso tem um impacto negativo no sentimento do mercado e os ursos estão no controle total da situação. Na realidade, a proibição da propaganda é algo positivo para o setor a longo prazo, diz Craig Cole, fundador e CEO da CryptoMaps.

“Claro, a notícia em si não é boa, mas pode influenciar a indústria. A proibição pode fortalecer o mercado e descartar moedas fraudulentas e golpistas que estão tentando enriquecer rapidamente. A proibição levará à estabilidade, porque as legítimas criptomoedas não desapareceram. Estou convencido de que essa proibição, deixará, o mercado mais forte“, disse ele.

Cole destaca que as principais criptomoedas mostrarão força, depois que as moedas fraudulentas desaparecerem. Os representantes da TOP-5 na lista de CoinMarketCap, já são conhecidas entre a comunidade de investimentos.

Mas há também aqueles que não concordam com todo esse otimismo.

“Esta proibição proporcionará aos consumidores apenas uma proteção de curto prazo contra os fraudadores, mas certamente irá prejudicar toda a indústria, que enfrentará resistência”, – diz COO Global BlockChain Shidan Guran.

De acordo com alguns relatórios, as receitas da publicidade da ICO no Google no ano passado totalizaram US $ 25 milhões, mas agora a empresa foi forçada a proibir, por conta da pressão de órgãos reguladores.

“Eu acho que os novos projetos da ICO competirão pela mesma presença no mercado do que no passado. Os gestores de relações públicas desenvolverão novas técnicas para atrair a atenção“, disse o analista da ThinkMarkets, Nayem Aslam.


Ganhe alto com a Binance

A maior e mais confiável das exchange está aceitando novos cadastros por tempo limitado, aproveite e obtenha grandes lucros no mercado de criptomoedas com essa incrível plataforma de trading.

Acesse já: https://www.binance.com