Notícias

Walmart testa blockchain para melhorar o rastreamento de entregas

De acordo com o artigo publicado pela agência de notícias Coindesk, a rede de supermercados Walmart conquistou uma nova patente relacionada à blockchain, dessa vez focada em suas entregas.

A aplicação publicada em 5 de julho é intitulada “Instrumento e metodologia de reserva de entrega” e, como sugerido, descreve uma maneira de gerenciar reservas de pacotes no contexto do comprador não estar disponível para realmente recebê-lo.

É a mais recente jogada de propriedade intelectual de “entrega inteligente” (smart delivery) da gigante do varejo, que no ano passado apresentou vários pedidos de patentes aos EUA nesta área. De fato, a empresa parece estar olhando para a tecnologia como uma forma de automatizar elementos do processo de entrega, mas até agora, grande parte do trabalho com blockchain voltado para o público tem se concentrado no rastreamento da cadeia de fornecimento de alimentos.

Na recém-divulgada aplicação, o Walmart detalha o sistema de armários de entrega – localizado na casa de uma pessoa, centro de transporte ou outro local – que pode proteger os itens entregues até que os destinatários possam vir e realmente assinar para eles. A blockchain se encaixa neste processo como um método de conectar os armários para rastrear quais estão ocupados e quais estão livres para serem usados.

“Cada espaço na estação de armazenamento tem uma unidade de capacidade correspondente para cada local na estação de armazenamento. As transações para as unidades de capacidade são rastreadas em uma ledger, com unidades de capacidade disponíveis indicando um local aberto na estação de armazenamento ou unidades de capacidade contratadas indicando que o local tem um armário seguro ou que o local está reservado para uma entrega futura”, escreveu o Walmart, acrescentando:

“Em algumas modalidades, as estações de armazenamento utilizam um sistema de reserva blockchain. Como tal, cada estação de armazenamento pode ser um dentro de uma rede blockchain.”

A aplicação faz referência frequente a um “livro-razão público”, sugerindo que o sistema proposto seria abertamente acessível até certo ponto, em vez de ser fechado a determinados participantes. Essa ledger, de acordo com a patente, “contém um registro de unidades de capacidade disponíveis e reservadas para a pluralidade de estações de armazenamento”.

Isso talvez sugira que o Walmart não seria necessariamente o único operador dessas estações de armazenamento e, possivelmente, visa permitir um grau de participação de terceiros.

Ganhe alto com a Binance

A maior e mais confiável das exchange está aceitando novos cadastros por tempo limitado, aproveite e obtenha grandes lucros no mercado de criptomoedas com essa incrível plataforma de trading.

Acesse já: https://www.binance.com

Deixe sua opinião